GlubGlubTupuff

Chegamos em Porto, graças a Deus…

Dêmo um pegadão pra montar o Estúdio e a baterinha aqui no Cabral.
Meio mal dormido mas, loco pra ver a máquina funcionando.
A idéia é começar a MIX do CD do Cabo Déco.
E Tenho um desafio…que é limar esse japa da gig, ou seja, passar a limpo todas as bateras que estão com um beat eletrônico do Fruit Loops.
Não vai ser fácil.
Vamo com Deus!

Photobucket

Taí o circo armado. Pra deitar e rolar!

Photobucket

Por outro ângulo. Entre velas e drinques.

É isso gurizada, vamo hablando.
Já gravamos o som da batéra. Amanhã vou tentar fazer algo valendo.
Torçam por mim.

Abraço Compadre, vê se aparece.

Adesão

Photobucket

É um verdadeiro desastre a quantia de e-mails e cartas que chegam, a todo momento, na redação do Blógue.
Dentre os milhares de depoimentos comoventes, alguns até mal cheirosos, de pessoas que convivem com esse terrível problema, me deparo com um poema do meu amigo Silvio Genro, que aderiu a nossa campanha e brinda o amigo leitor com seu belíssimo verso…

TRATADO GERAL DOS PEIDOS

Todos peidam nesse mundo:
-Bichos, peixes, aves, gente…
Nisso não são diferentes
A mosca e o caramujo!
Peidar não é um ato sujo
Mas, é até um gesto sensato..
-só não peida o carrapato
Porque falta o “dito-cujo”!

Existe o “PEIDO DE MOÇA”,
Que sai todo encabulado,
Mas que já fez namorado
Ficar na sala sozinho…
Com som discreto… Fininho,
Ele sai meio assoviado
E até o cheiro é delicado
Do apelidado “Peidinho”!

Tem o “PEIDO ESCANDALOSO”,
Que afrouxa os gases do “bucho”…
E o velho “PEIDO GAÚCHO”
Criado solto em bombacha!
Na base do vai ou racha,
Alivia os peidorreiros
E faz mais “chiste” que cheiro
-Que nem “PEIDO DE BOLACHA”!

O chamado “PEIDO SURDO”
Também é muito famoso!
Anônimo e escandaloso
Nunca entrega seu autor…
Sai espalhando o terror
Com seu efeito maldoso,
Na saída, é silencioso
Depois explode em fedor!

O pior no “PEIDO SURDO”
É a sua desfaçatez!
Pois, ninguém sabe quem fez
Mas farejam seus efeitos…
Tanta falta de respeito
Vai gerando desconfiança
E olhando na vizinhança
Qualquer um vira suspeito!

Tem “PEIDO EXIBICIONISTA”,
Que não escolhe a hora
E se manda cu afora
Pra ser público e notório…
Avacalha com “casórios”,
Com missas e batizados
E desrespeita até os finados
No silêncio dos velórios!

Tem o “TRAQUE DE VOVÓ”,
Perdoável e inocente…
Cu de “veio” não se sente
Nem pode pedir socorro…
A um outro exemplo, recorro,
Que é o “PEIDO DE NAMORADO”,
Onde sempre o culpado
É o coitado do cachorro!

Outro exemplar “flatulento”
É o chamado “PUM DE PIÁ”!
Mais bagaceira não há
E nem tão mal educado…
Solto em ônibus lotado
E no meio da multidão,
Chega a se abrir um clarão
Por culpa do relaxado!

Todo guri se alivia
Ao bel-prazer do momento…
Tipo, peidar contra o vento
Ou pra provocar a pulha…
Disso, a piazada se orgulha
Mas, o que mais lhes fascina
É se peidar na piscina
Pra ver sair as “borbulhas”!

Tem o “PEIDO TRAIÇOEIRO”,
Desafinado e sem dó…
Que sai numa nota só
Enquanto a gente forceja…
Tem o “PEIDINHO DE IGREJA”,
Que exala batina abaixo…
E o tal “PEIDO DE BORRACHO”
Que fede a canha e cerveja!

Outro velho conhecido
É o tal “PEIDO CALDEADO”!
Que sempre traz um recado
Que muita gente não gosta…
Peidar assim é uma aposta
E só se sabe o resultado
Quando vem acompanhado
Da “amostra grátis” da bosta!

De todos, mais asqueroso
É o “PEIDO BEM FEDORENTO”!
Repugnante e nojento
Como a fama que carrega…
Por não respeitar as regras
Da boa civilidade,
Já sai fazendo alarde
Do cu que não tem mais prega!

Existe o “PEIDO ESGOELADO”,
Feito assovio de macaco…
Que emite um som fino e alto
Em freqüência duradoura…
Situação constrangedora
Que segue essa mesma linha,
É o “PEIDO DE CARREIRINHA”,
Igual a metralhadora!

Todo o gordo, quando peida,
Faz uma manobra imunda
Ladeando os gomos da bunda
Pra liberar o “plissado”…
É o “PEIDO PREMEDITADO”!
Que solta um som desparelho,
Deixando o gordo vermelho
Mas, sorrindo aliviado!

Nos magros, a flatulência
Causa efeito diferente:
-Sai um peidinho indigente,
De mui pouca envergadura…
Dizem de fonte segura
E já segredaram pra mim,
Que “PEIDO DE MAGRO” é assim
Porque falta embocadura!

Sei que omiti alguns peidos
Que andam soltos por aí…
De uns lembrei… Esqueci…
De outros, nem senti o cheiro!
Não sou doutor nem pioneiro
Sobre assunto tão diverso,
-E pra criticar meus versos
Não faltará um PEIDORREIRO!!!

Muchas gracias parceiro.
Me arrepiaste!!!

auto-merchan

Abaixo, um apanhado de alguns trabalhos importantes que venho realizando.
Produção de CDs e Trilhas Sonoras para filmes.

Photobucket

O CD Vitamina Z do Zelito, foi gravado em fevereiro de 2008 na minha casa em Santa Maria.
O Baile dos Calavera, gravado em Alegrete em Janeiro de 2009.
E o Garatuja do Renatinho Müller, gravado no Morro do Fraga, Santo Antônio da Patrulha, em fevereiro deste ano (ainda não lançado).

O documentário do Brizola, Tempos de Luta, é um longametragem dirigido por Tabajara Ruas, e tem a direção musical do Duca Duarte.
A música “Brisa” é minha e do meu irmão Mauro Grecco, que também tem um tema no CD do Renatito (Alma de Gaiteiro). Foi gravado em Santa Maria em 2007. Um pouco no meu estúdio, outro muito no Paulinho Bracht que trabalhou conosco nesse projeto.

O curta Herança, de Carolina Berger, foi gravado no Sonare Estudios, Santa Maria (onde gravei o “bem de bem” e o “Comparsa Elétrica”).
A trilha é só acordeon e violão, sugeridos pela própria diretora, retratando um duelo constante entre o homem e a natureza.
Eu e o Paulinho Goulart, gravamos ao mesmo tempo e, assistindo o filme.
Baita lançe.
Essa trilha ganhou o Troféu Macondo e o Vento Norte no Festival de Cinema de Santa Maria.

Cortejo Negro, curta dos Irmãos Müller, fiz a trilha em Santa também, dessa vez solito. Com a pedaleira GR20 da Roland.

E A Invasão do Alegrete, também dos Irmão Müller, comecei em Uruguaiana e terminei na Torre da Casa 10 com a força do Zelito e do Paulinho Goulart, de novo.
A música foi criada no set, durante as filmagens, com a gaitinha ponto que o Colega Digão arrumou pra nós. Aizá!

É “mazomenos” isso, existem alguns projetos em stand by, como o meu CD Carneviva e um CD do Érlom. Além de um orçamento aprovado para o próximo filme da Carolina Berger.

O Arter do meu compadre Cabo Déco está gravado e devemos dar início na mixagem essa semana, lá no Texo, onde tudo começou.

Vamo que vamo indiada buena.
Tamo aí pra somá!
Criar novas possibilidades e experimentar outras sonoridades.

Esse é o RécoRecords, que começou em parceria com meu amigo Fábio Maus, na virada do século, bem no coração do Rio Grande. E tornou-se o meu brinquedo favorito no PC. É um “jogo” onde eu sempre ganho.

Vai o meu sincero agradecimento ao Fábio, Piero e Compadre Maninho, que sempre ajudam a virá o jogo quando o Alzeimer pinta na sala de gravação.
Gracias Sangues!!!

nova campanha

Chê, a campanha da RBS é coisa séria gurizada.
Esse crack é uma viagem sem volta.
Temos que alertar a criançada dessa droga porque, quem já entrou…só sai dessa por um milagre.

E já que “chegamo ontem de campanha”, aproveito pra fazer um novo lançamento.
É um assunto que atinge a todos. Em casa, no trabalho, na escola, na van, no elevador então…!?!

Vamos vestir essa camisa meu povo, da maneira que a gauchada tá metendo bóia, tá mais do que na hora da gente se conscientizar.

Photobucket

Normalmente, viajamos entre cinco no carro che…é desumano…não há “bom ar” que faça cósca nesses furioso.
Na maioria das vezes, somos obrigados a “metê nariz” pra acabá logo com essa agonia.
Vamo lá moçada!!!
Quero vê todo mundo engajado nessa campanha.

Photobucket

No trânsito…

Photobucket

…no futebol…

Photobucket

…nos países vizinhos…

Photobucket

…e até debaixo d’água.

Conto com vocês. Todos!!!
Essa campanha ainda pode salvar vidas.

A 1000

Gurizada, missão cumprida.
Tô feliz com a participação no 3º Relincho da Canção.
Foi um bate-volta (Urug-Pantâno) de muita chuva, barro e, é claro, mate e música.
Nada melhor que fazer um som né che!?!
A música cura tudo! Não tem tempo ruim…
Valeu Tukaninho…valeu a parceria, o papo e a Gig…quebrô tudo!!!

Photobucket

Essa cena fica entre Alegrete e Rosário.
Sempre nos chamou a atenção.
Uma árvore que cresceu na pedra.
Que baita troço…que exemplo de vida.

Photobucket

Acima: La Comparsita
Duca, Tukano, Yo, Kateguinha, Cabral e Gui.
O Banguzinho entrou em campo na humildade e goleou…
Caiu Dudu!

Photobucket

Festa do cavalo. Esse artista tava no camarim ao lado.

Photobucket

Nosso camarim.

Photobucket

Por outro ângulo (recarregando a bateria).

Photobucket

Pântano grande.

Photobucket

O Professor fora da casinha.
O Duca é “Xarope” na foto.
Tem um equipa bala e tem a mânha do troço.

Vou deixar o link para o Blog de fotos do Dudu.
Pelo menos até ele chiar.
dududedeus.blogspot.com

Photobucket

Mais uma Primavera.
A borboletinha descobriu essa linda flor antes que nós.
E o fumante irresponsável deixou o lugar marcado no acostamento.
Pelo menos por mais duas gerações.
Não tem cinzero no carro rrrrrrrrrrrrrrrrrrrrr???

É isso.
Vamos deixar os “eco-puxões de orelha” pra outro post.
– Em frente, sem baixo astral.

que loucura horse

É muito bom voltar ao Brasil.
Acabei de chegar de Libres, fui tanquear o carro da mãe pra Gig de amanhã.
Eu e o Tukaninho tamo largando depois do chisme na praça, lá pelo meio dia.
É isso, tá todo mundo intimado a participar da campanha “Todos contra o crack” e, convidados a comparecer no Relincho que acontece junto a
FESTA DO CAVALO sábado em Pantâno Grande.

Photobucket

Bueno, domingo novo post, se Deus quiser.
A menos que role um wireless lá no hotel.
Vou nessa…

“Eu hein…nem pensar…”

Todos contra o crack no sábado
Municípios, entidades e cidadãos anunciam ações de combate à droga
Anote na agenda: sábado é o dia contra o crack.

Para marcar um novo estágio da campanha lançada pelo grupo RBS há quatro meses, as sociedades gaúcha e catarinense são convidadas a se engajar em um grande movimento para reforçar a luta contra a droga que torna refém milhares de famílias nos dois Estados.

Como você vai participar? Envie a programação da sua comunidade

Das 10h às 14h, os principais comunicadores, comentaristas e colunistas dos veículos do Grupo RBS farão a distribuição de adesivos da campanha Crack, Nem Pensar em praças, ruas e avenidas movimentadas das capitais Porto Alegre e Florianópolis e em outras 16 cidades gaúchas e catarinenses.

Além de adesivar o maior número possível de automóveis, o objetivo do Dia Todos Contra o Crack é incentivar a sociedade a participar, provocando a discussão e a busca por soluções para a epidemia da droga em sua comunidade.

O Jornal do Almoço do próximo sábado terá boletins ao vivo das mobilizações nas várias cidades do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina. O programa da RBS TV também apresentará, em primeira mão, os filmes da segunda fase da campanha do Grupo RBS.

Os vídeos foram produzidos com depoimentos reais, com foco na prevenção, uma vez que a meta da campanha é não ter nenhum novo usuário de crack.

A mobilização está se espalhando pelos dois Estados, como mostra a participação no site cracknempensar.com.br

— Sou universitária do 6º semestre de Biologia na Urcamp, em Bagé. Minha participação nesse dia será fazer, na Escola Estadual José Gomes Filho, a mostra de alguns slides em Power Point, conversar sobre o assunto, abrindo espaço para troca de ideias e dúvidas. Pretendo, assim, ajudar a prevenir contra essa epidemia — disse Fabiana Cardozo.

Abaixo, você conhece entidades que já se engajaram na mobilização, criando sua própria programação.

PORTO ALEGRE

Confira algumas atividades programadas para sábado:

– 8h – Início da II Copa DCE Uniritter de Futebol Sete contra o Crack, na sede campestre da Associação do Ministério Público do RS (Av. Cavalhada, 6.149, Ipanema). Às 12h, haverá uma partida especial com as camisetas da campanha Crack – Ignorar é seu vício?, da Associação do Ministério Público do RS. A comissão organizadora do campeonato irá distribuir adesivos da campanha Crack Nem Pensar

– 8h – Apresentação do programa Supersábado, da Rádio Gaúcha, na Usina do Gasômetro

– 8h30min – Até as 16h30min, serão feitas palestras e discussões sobre o tema, durante a primeira Jornada Acadêmica da Psicologia da Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre (UFCSPA), com o tema Os desafios Atuais da Psicologia na Saúde Pública, no Auditório da Pós-Graduação (Rua Sarmento Leite, 245)

– 10h – Distribuição de cartazes Os Municípios contra o Crack!, confeccionados pela Federação das Associações de Municípios, nos parques da Redenção e Marinha do Brasil

– 10h30min – Início do dia de mobilização lançada pelo Grupo RBS na Usina do Gasômetro, com apresentações de bandas, presença de comunicadores e distribuição de brindes, até as 13h30min. Ao meio-dia, haverá flashes ao vivo do Jornal do Almoço

BAGÉ

– 10h – Distribuição de adesivos na Avenida 7 de Setembro, em frente ao Unibanco, até o meio-dia

CAÇAPAVA DO SUL

– 9h – Debate sobre crack com alunos do Ensino Médio do Instituto Estadual de Educação Dinarte Ribeiro (Rua 15 de Novembro, 130). Será distribuído material informativo, além de uso de vídeos e informações sobre efeitos do crack e prejuízos na vida do usuário

CANOAS

– 10h – Passeata de estudantes contra o crack, com saída da frente da Escola Estadual de Ensino Médio Bento Gonçalves (Av. Rio Grande do Sul, 1055, bairro Mathias Velho) e previsão de encerramento em frente ao Colégio Ulbra São João (Rua Campinas, 660, Mathias Velho). No trajeto, será feita distribuição de adesivos

CARAZINHO

– 14h – Oficinas sobre crack no Programa Yacamim, que trabalha a prevenção primária ao uso de drogas, na Escola Estadual Erico Verissimo

CRUZ ALTA

– 10h – Blitz para distribuição de adesivos alusivos à campanha, na Pinheiro Machado esquina com João Manoel (até as 14h)

ERECHIM

– 10h – Blitz de comunicadores do grupo RBS, em parceria com a polícia e o Lions, com oferta de serviços médicos para medição de pressão e exames de visão, até as 14h

FREDERICO WESTPHALEN

– 10h – Distribuição de adesivos e cartilhas da Campanha Crack, Nem Pensar, por comunicadores do grupo RBS

NOVA PETRÓPOLIS

– 14h – Lançamento do Projeto Abrace seu Filho Antes que o Crack o Faça!, na Praça Central de Nova Petrópolis. Haverá distribuição de folhetos e adesivos, além de apresentação de grupos de crianças na praça, como judô e dança. A mobilização tem apoio do Ministério Público, do Conselho Tutelar, da prefeitura e de entidades

OSÓRIO

– 9h – Apresentação de teatro, informações sobre ações preventivas e repressivas, tratamentos, além de exposição de painéis e cartazes sobre o assunto, dentro do projeto Drogas, Nem Pensar, na Escola Estadual de Ensino Fundamental General Osório

PELOTAS

– 10h – Distribuição de adesivos, participação de entidades e apresentação do programa Discorama ao vivo, na Avenida Bento Gonçalves. A programação se estende até as 14h

RIO GRANDE

– 10h – Apresentação do programa Discorama ao vivo para Pelotas, apresentações de grupo de boxe (demonstrações), DJs e comunicadores da rádio Atlântida, na Praça Xavier Ferreira, em parceria com entidade como Parceiros Voluntários, escoteiros e entidades de recuperação de dependentes químicos

SANTA CRUZ

– Distribuição de adesivos da campanha nas principais ruas da cidade, em horário a definir

SANTA MARIA

– 10h – Distribuição de adesivos e presença de jornalistas e comunicadores dos veículos do grupo RBS, com cobertura do Jornal do Almoço, na Rua Venâncio Aires, ao lado da praça Saldanha Marinho (até as 12h30min)

SÃO GABRIEL

– 9h30min – Caminhada contra o crack, com saída da frente do Brasil Tênis Clube, até a praça Dr. Fernando Abbott, onde será feita distribuição de adesivos e panfletos sobre o tema. A iniciativa é do Ministério Público, em parceria com o Clube Cruzeiro e a Igreja do Evangelho Quadrangular

SÃO SEPÉ

– 14h – Mateada contra o crack, na praça das Mercês, em frente ao centro cultural da cidade. Haverá medição de pressão arterial, teste de glicose e feira de artesanato. A partir das 16h, haverá shows e apresentações de danças. A iniciativa é da Promotoria de Justiça de São Sepé, com apoio da prefeitura e de entidades

URUGUAIANA

– 10h – Blitz para distribuição de adesivos da campanha Crack, Nem Pensar, no cruzamento da Duque de Caxias e Bento Martins e na Praça Barão do Rio Branco – até as 13h

VIAMÃO

– 10h – Voluntários da Empresa de Transporte Coletivo Viamão apresentarão peça teatral Cotidiano Sobre os Riscos do Crack. Será na Escola Municipal de Ensino Fundamental Luciana de Abreu (Rua Dário Gonçalves Molho, Vila Augusta)

ZERO HORA

É isso aí gurizada, a convite da RBS estarei aqui em Urug fazendo a minha parte.
Não custa nada e pode ser que alguém se tóque, né!?!

O time do Prof. Tite vestiu a camisa.

Photobucket

Com essa bolinha que tá jogando…a campanha tem duplo sentido.
VAMO PÔRRRRRRRRRRRRRR!!!