Tamo no caminho!

Ontem (29), foi um dia de muito trabalho, graças a Deus,
em meio as festividades da 30ª Coxilha Nativista aqui em Cruz Alta.

Reencontrei o Amigo Ivanhoé Ferreira, parceiro de algumas Barrancas,
palcos, CTG’s, butiás, celulares e muitas e muitas cifras, na Casa do Som.

Isso mesmo…
a Casa do Som está em novo endereço mas com o mesmo capricho de sempre.
Tive a oportunidade de gravar dois trabalhos para a triagem do “Cooperas”:

Valeu Ivãn, Marcelinho e, Parabéns Sabani pelo empreendimento. Suerte!

Em seguida a gravação de mais um programa Raízes do Sul com Gabriel Moraes:
Obrigado a Equipe Foccus. Valeu Edson Macuglia pela força no audio.
“É di Som”. O cara com esse nome não poderia ter escolhido outra profissão!

La Comparsita como nos velhos tempos. Quartetinho.
Valeu Tio Rafa, Paulinho e Duca !!!

Na sequência, já com Texo e Categuinha, foi sentar a mão e correr pro abraço.

O Mr. Jack sempre lota na quinta. Não foi diferente com a Comparsa Elétrica lá.
Graças a Deus!!!

E pra encerrar essa quinta maluca, nada melhor que tomar uma beeeem gelada,
sem exemplo, e ouvir o Samuca e o Arthur, voando no bar do Tio Miguel.

Vamo que vamo…
Hoje canto “Sonho Matreiro” (Betinho Lamaison e Gabriel Selvage)
e “O Arco e a Flecha” (Carlos Omar Vilela Gomes e Piero Ereno).

Acabou a MOSTRA e agora começa o CONCURSO.
Haaaaaaaaaaaaaja coração.

Tamo no caminho…
#tamojunto

π

#Fail

Bueno…
Ontem cantei o Fim de Mes ao lado do Mauro Moraes.
E depois de vários elogios em público que recebi do Sabani,
me engasguei e acabei deixando pra trás, talvez o verso mais importante
dA Hora do Sétimo Anjo. Não sei se por emoção, distração ou secação.

O que sei é que sexta-feira terei uma grande oportunidade de virar esse jogo
e me redimir com o Omar. Bóra lá decorar O Arco e a Flecha.
Vamos com Deus!

To aqui no Juca Moraes, mateando, refletindo sobre a carreira e descansando
já que amanhã (29) temos gravação do Raízes do Sul e Show no Mr. Jack.

Abaixo uma palhinha do programa que gravamos há um ano atrás
com o Tio Paulo e a Equipe da Foccus Comunicação aqui de Cruz Alta:


Fiquem com Deus !
Bj.

π

imagens da semana

Assisti na TV Câmara de Cruz Alta nesta segunda (27) de sol:
Desconfio que seja trabalho do pessoal da Foccus Comunicação.
Logo saberemos…

“Se um dia eu pudesse ter a força que têm os ventos
iria varrer dos pagos tantos descontentamentos.”

-É demaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaais !!!!!!!!!!

π

30ª Coxilha

Como diria o Grande Locantor Esportivo P.E.Denardin:
“-Tá demaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaais”

Che gurizada, perdi a conta de quantas vezes chorei
ou vi algum Colega com o vidro dos olhos em caquinhos.

Tá todo mundo iluminado.
Há uma alegria no céu de Cruz Alta que tudo,
mas tudo mesmo, é uma maravilha.

É a Coxilha do abraço, do reencontro, do beijo, da gargalhada e do som.
Voltar aqui com o Tulio Urach é bom demais.
A impressão que dá é que a gratidão está acertando as contas com a história
Em tudo há um link. Tudo mesmo.

Sábado (24), acompanhei o Ângelo e a Shana no “Rancho de Luz”
(segunda colocada na 17ª edição do evento.)
Do Tulio, do Omar e do saudoso Gibão Estrazabosco
(que Deus o tenha num Rancho de Luz.)
Chorei antes do primeiro acorde
(o Carlos Omar me fez chorar.)

Fui o baixista da obra ao lado de Paulinho Bratt (teclado),
Edu Pacheco (pandeiro), Elias Resende (acordeon) e Tulio Urach (violão).

Semana passada me encontrei com esta música
e vi que ela diz muito, e tem a ver comigo. Baita Som!


(acima: ensaio na casa da Sandra e do Tio Antônio)

Ontem (25), além da parceria atada com o Érlon Péricles para,
dessa vez, contarmos engarupados “De Cima do Arreio”,
pude assistir o imortal Eraci Rocha cantando “Vento Norte”
do melhor lugar do Ginásio. O banquinho da batéra.

-Não é que cai do céu um par de vassourinhas durante a passagem de som !?!
Incrível. “Deus é Gaúcho” mesmo.

Fui o baterista da obra com Guido Êra (guitarra), Dudu de Deus (bass),
Tito Guaiaca (no Gianêixon, xon) e Paulíto Barbôsa (acordeon).


(Essa foto é pra Doniná que, também, é fã do Eraci Rocha.)

Como diz o Compadre Miguel: “- El bítio está agarrándo”.

 
Tenho que contar-lhes do meu Amigo Jair Beck Filho que,
me proporcionou rolar um som com a Banda Oriental no Mr.Jack
colocando a disposição seu set batéra. 100 palavras Irmão…


(o Jair usa pele porosa e sem furo na resposta do seu Bumbo 18″. Sonzêra)

Enfim hoje (26), visitei a Casa de Cultura Justino Martins,
onde lancei o CD Zero, para gravar um depoimento sobre a Coxilha.
Descobri que, ter comprado bota e bombacha pra cantar aqui,
causou um efeito irreversível no meu modus vivendis (#MussumFeelings)

Encontrei o Patinete, o Alex e a Chica (USA Discos), Telmo de Lima Freitas,
também todo o astral e energia do conterrâneo Mauro Moraes que,
mudou de idéia e, convidou-me pra cantar o “Fim de Mes” amanhã (27).
“Deus é Gaúcho” meeeesmo.


Acima, as simpáticas acadêmicas de Jornalismo da Unijui que me gravaram.
Apesar de terem achado muito engraçado eu pedir uma foto com elas,
entenderam que eu também estava atrás da minha Matéria.

Ou seja, um tremendo “Filho da Pauta”.

Bueno…
Deixem eu ir que hoje tem Teresa Parodi
e mais um lote de música boa pra curtir.

Bejo do Gordo!!!

π

Manual do msn

Passei a usar “@piriscagrecco” no msn para deixar claro
pra duas centenas de amigos que sou usuário do twitter.
(Tenho usado o Twitter para aquelas mensagens diárias que
colocamos normalmente no subnick do msn. Aquelas bobagens.)

Ao lado o símbolo “#” que determina o assunto do momento.
(desde sábado estou usando #Coxilha)

É humanamente impossível dar Bom Dia a todos. Pra isso criamos o Blógue.
Se a gurizada quiser, apenas, saber como é que estou,
é só clicar no subnick, ali está o link pra cá. É barbada !

De qualquer forma, é muito bom tê-lo como Amigo.
-Saibas porém:

DISPONÍVEL = Disponível
OCUPADO = Blogando ou Gravando
AUSENTE = Saiu
INVISÍVEL =


– Tá tranquilo !?!

Ah…a Coxílha ???
Estou, justamente, tentando escrever sobre isso.
Conto contigo!

π